Empresas se unem em rede de promoção do turismo cultural e de negócios entre Brasil e África

afro africa

De olho no crescimento do mercado brasileiro de turismo, empresas aéreas, agências e operadoras turísticas se reúnem hoje, 18 de fevereiro, às 17h30 para lançar a Rede Afro Turismo. O evento acontece no InovaBra – Habitat, e contará com representações diplomáticas de paises africanos, representações de companhias aéreas, além de executivos do setor, representantes dos governos e atrações culturais, como o maior nome da música pop Angolana, o músico e empresário Dog Murras.

Focada na promoção de destinos e roteiros de experiência cultural, a rede se dedicará a analisar o mercado e potencial do consumidor, fomentar parcerias comerciais para o fortalecimento do intercâmbio e turismo entre Brasil e África.

Os dados do mercado indicam o crescimento de 74% no número de turistas brasileiros em visita à África do Sul, de acordo com o órgão oficial de turismo do País, em 2017. No Brasil, o Afro Turismo se consolida como segmento no setor desde 2016, com o surgimento de agências e empresas especializadas em roteiros e experiências com foco na cultura negra.

A aposta das empresas é aliar representatividade e autenticidade de serviços e produtos para conquistar o mercado de 40 milhões de novos consumidores que chegam ao setor de turismo até 2022, de acordo com o Ministério do Turismo.

A segmentação de mercado no turismo é uma tendência liderada pelos EUA. Desde 2014, empresas atuando no chamado Black Travel Movement faturaram mais de US$ 48 bilhões com produtos para o público afro-americano. Os dados são da consultoria americana Mandala Research, que indica o segmento como “uma dos públicos mais valiosos para o mercado de turismo”.

“O objetivo é articular os atores desse setor no Brasil para estruturar ações de fomento, de promoção e diversificação de produtos. É um estímulo ao ecossistema e uma forma de fomentar no setor a promoção da cultura negra, cujas manifestações têm grande relevância para o turismo nacional”, explica Carlos Humberto Silva, CEO da Diaspora.Black – plataforma online de hospedagens e roteiros focados na cultura negra.

Negócio de impacto social acelerado pela Artemisia e Facebook na Estação Hack, a Diaspora.Black é uma das idealizadoras da rede, ao lado das agências Bernatur, que atua há mais de 15 anos no setor, e da Rota da Liberdade, que promove roteiros de valorização da cultura negra em São Paulo.

O lançamento da rede acontece às 17h30, no auditório do InovaBra Habitat. A abertura será feita pelo músico e empresário Dog Murras, um dos mais influentes rappers angolanos da atualidade. Ele é empresário e atua em projetos de impacto social no país africano.

Entre os palestrantes, estará a representação do escritório de turismo da África do Sul, South African Tourism, e dos consulados de Angola e África do Sul. A programação também inclui a participação de pesquisadores e representantes das secretarias estadual e municipal de turismo.

Inscrições e Programação: https://bit.ly/2RTWXxc

Loading...

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta