Fotógrafo que mais vende no mundo, David Yarrow expõe em São Paulo

Fotógrafo A partir de 19 de agosto, as incríveis fotos preto e branco do escocês – que é um fenômeno nas artes e nos negócios – serão exibidas na Gabriel Wickbold Gallery
A partir de 19 de agosto, as incríveis fotos preto e branco do escocês – que é um fenômeno nas artes e nos negócios – serão exibidas na Gabriel Wickbold Gallery
LOJA DAS POCS

Cinco anos atrás, o escocês David Yarrow abandonou uma rentável posição de administrador de hedge funds para se tornar um fotógrafo de fine art em tempo integral. Então com 48 anos, ele pensou muito sobre a mudança, elaborando um detalhadoplano de negócios para garantir que sua nova carreira fosse artisticamente satisfatória e comercialmente viável.

Hoje, David Yarrow é um dos fotógrafos de maior sucesso no mundo, famoso por suas impressionantes fotos em preto-e-branco, que foram leiloadas entre US$ 75.000 e US$ 110.000 nos últimos dois anos – a Maddox, a galeria que o representa em Londres, chega a vender 9 milhões de libras em obras dele por ano.

Junto com o êxito comercial vieram as campanhas publicitárias para grandes marcas (como Tag Heuer, UBS e Land Rover) com modelos como Cara Delevingne, fotografada ao lado de leões selvagens, e um livro de mesa lançado pela editora Rizzoli New York, intitulado Wild Encounters, com prefácio do príncipe William, que é fã da fotografia de Yarrow. O livro foi premiado com o “Art Book of 2017” pela Amazon.com e esgotou uma segunda tiragem

As imagens de David Yarrow não são apenas cativantes, cada uma contém uma história de incrível persistência, conhecimento e criatividade. Afinal, não se pode deixar nada ao acaso ao trabalhar em regiões remotas e inóspitas, especialmente ao tentar capturar animais raros e perigosos em seus habitats naturais – como macacos gelada nas Terras Altas da Etiópia e o famoso elefante selvagem Lugard, o maior do Quênia – com o nível de intimidade que o escocês consegue.

Suas fotos trazem a sensação de proximidade, extraindo detalhes sutis que passariam imperceptíveis caso David não estivesse com sua câmera tão próxima dos animais que fotografa. O objetivo é fazer com que os animais olhem diretamente para a lente. Poucas pessoas têm a habilidade e capacidade de juntar tudo isso com uma autoridade que demonstra que a fotografia é uma arte – é por isso que uma foto de David Yarrow é instantaneamente reconhecível. Um trabalho que estará exposto na Gabriel Wickbold Gallery, em São Paulo, a partir do dia 19 de agosto, quando o fotógrafo estará presente para a abertura da exposição.

Sobre a galeria:

A Gabriel Wickbold Gallery é um espaço multidisciplinar de arte contemporânea que promove o intercâmbio entre artistas de diferentes nacionalidades. Com foco na fotografia e contemplando suas diversas possibilidades, seja ela artística, documental, fotojornalística, publicidade ou a história da fotografia, o projeto tem como objetivo expor obras de artistas em diversas etapas de suas carreiras para mostrar a vastidão de práticas, pensamentos e inovações desse território e seu papel no século XXI. O espaço também abriga discussões baseadas no tema, com o compromisso de trabalhar pela memória fotográfica no cenário cultural brasileiro. O intercâmbio e a participação de curadores, críticos, pesquisadores e outros profissionais, bem como a divulgação deste conteúdo nas mídias sociais, é essencial para este projeto.

www.gwsg.com.br

SERVIÇO

* Exposição David Yarrow

* GWS Gallery / Rua Lourenço de Almeida, 167, Vila Nova Conceição, São Paulo

* De 19 de agosto até 18 de setembro (segunda à sexta das 10h às 18h; sábados das 11h às 17h).

*Grátis

* Acessível a pessoas com deficiência

* Ar-condicionado

* Wi-fi

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta