Lonely Planet divulga os melhores destinos europeus de 2018

lonely planet
Foto: senatortravel.net

Viajantes em busca de sossego devem ir direto ao coração gastronômico da Itália, desbravar paisagens selvagens no norte da Espanha ou fugir para a Holanda e ter uma aula nada convencional de arte e cultura, de acordo com a Lonely Planet, a maior autoridade em viagens, que hoje revela seus destinos eleitos como os mais imperdíveis para quem quer visitar a Europa neste ano.

O Best in Europe 2018, da Lonely Planet, é compilado anualmente por especialistas de empresas de viagens da Europa e apresenta suas escolhas mais incríveis e subestimadas de lugares para conhecer em todo o continente. A lista deste ano segue a tendência do turismo itinerante, que tem por objetivo inspirar os viajantes a descobrir as melhores-e-menos visitadas regiões, as cidades que fogem do óbvio e os lugares que vão levar o turista para além dos destinos europeus mais conhecidos.

No Best in Europe 2018, da Lonely Planet:

1. Emilia-Romagna, Itália

2. Cantábria, Espanha

3. Friesland, Holanda

4. Kosovo

5. Provença, França

6. Dundee, Escócia

7. Ihas Cíclades, Grécia

8. Vilnius, Lituânia

9. Vale Vipava, Eslovênia

10. Tirana, Albânia

A Emilia-Romagna, na Itália, é o primeiro lugar do pódio deste ano. Muitas vezes deixada de lado por causa de regiões mais populares como a Toscana, a Campânia e o Vêneto, tem visto sua reputação de destino para quem adora gastronomia crescer e se consolidar. Terra natal do ragù, do prosciutto di Parma, do vinagre balsâmico e do queijo parmesão, seu legado gastronômico pode ser degustado no recém-aberto FICO, em Bologna, que é o maior parque temático culinário do mundo, e as novidades culturais em Ferrara e Rimini oferecem ainda mais atrações aos viajantes.

Também no Best in Europe 2018: a região espanhola da Cantábria, lar de praias, montanhas e vilarejos encantadores; Dundee, cidade escocesa que se reinventou com nova vida cultural, incluindo a abertura do museu V&A; e Friesland, na Holanda, uma região de magníficas paisagens cuja capital, Leeuwarden, é a Capital Europeia da Cultura de 2018.

O porta-voz e Diretor Editorial da Lonely Planet, Tom Hall, diz: “Há uma preocupação cada vez maior com o crescimento no turismo em destinos populares na Europa, em especial durante os agitados meses do verão; portanto, com esta lista, queremos mostrar que há uma variedade incrível de lugares diferentes para se descobrir na Europa. Nossos especialistas cruzaram o continente e visitaram destinos de destaque, subestimados e ignorados que, na verdade, são dignos de uma viagem planejada”.

“Não importa se você está em busca de cultura, de paisagens espetaculares ou de um destino gastronômico, há algo para todos os gostos. É possível encontrar de tudo um pouco na região italiana da Emilia-Romagna, que não perde em nada quando comparada a outros destinos bastante populares da Itália. No entanto, os destinos que fogem do comum são aqueles que os viajantes europeus querem visitar agora.”

Os autores da Lonely Planet desbravam o mundo há 45 anos em busca de maravilhas escondidas e de novas e extraordinárias experiências de viagem. O Best in Europe 2018 é a sexta edição desta lista que elege os países, as regiões e as cidades que estão em alta e/ou que virarão tendência entre viajantes. Para ajudar as pessoas a conhecer melhor a Europa, a Lonely Planet se uniu a Eurail.com para dar aos viajantes a chance de ganhar um dos dez passes de trem válidos por um mês para viagens pelo continente neste verão.

Loading...

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta