Limbo Bloco em Brasília tocará música eletrônica no próximo dia 18 de fevereiro

LEIA TAMBÉM

- Publicidade -
- Publicidade -

O LIMBO Bloco apresenta em sua programação, com patrocínio do FAC – Fundo de Apoio à Cultura do DF, a energia ritmada da performance de Mister Maguila, direto de Balneário de Camboriú (Santa Catarina), e as brasilienses Tita Maravilha e Cigarra, baseadas em Lisboa, da dupla Trypas Corassão com seu projeto estético de força política numa criação híbrida entre música eletrônica e performance.

Da cena local, o bloco traz ao palco a artista visual e sonora Drendiela, cuja produção explora novas possibilidades de contato com o público através da música; Jhonat, com sets marcados por batidas orgânicas e hipnóticas; Madamy, realizadora dos Festivais Beco Elétrico, Plural e a Trama, que no seu trabalho como DJ discoteca do truve ao cabaré psicodélico; e a dupla Palma Dulce Armenia Tek, esculpindo loops acelerados, hipnóticos e diversos.

Em diálogo com a música e para interagir com o público, se apresentam quatro performers, que fazem de seus corpos veículos de comunicação visual e política. Interpretando diferentes personagens, Kedineo se transforma por meio da maquiagem artística, máscaras, adereços e objetos não convencionais; já Briu utiliza em seus trabalhos o artivismo aliado ao teatro e à dança. LIMBO apresenta ainda Tassi, artista circense e atriz que mescla os saberes do teatro, do terreiro e da música; e por fim Tita Maravilha, atriz, cantora e palhaça, que traz em seus processos as dores e as delícias de ser um corpo dissidente.

As batidas aceleradas e os timbres difusos e sintéticos das múltiplas vertentes da música eletrônica, vão reverberar por entre os blocos comerciais do centro da Capital Federal. Fazendo tremer o chão, a pungente obra visual de performers aliada ao potente trabalho musical de DJs locais e de fora.

O bloco carnavalesco, com cara de balada, vai ocorrer no primeiro dia de carnaval, sábado, 18 de fevereiro, das 16h às 22h, com acesso gratuito, muita segurança e alas abertas à diversidade, à pluralidade de corpos, à empatia e respeito ao próximo.

Após o hiato da Pandemia de Covid-19 e com fé em novos tempos e muito amor pela cultura e pelas artes, “realizamos este evento que marca um novo momento, ainda mais próximos da nossa missão de espalhar música e expressões de vida”, anuncia o coletivo LIMBO.

Serviço: LIMBO Bloco

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -
- Publicidade -

Latest News

A importância do marketing inclusivo na indústria de viagens

O marketing inclusivo tornou-se uma peça fundamental na estratégia das empresas que buscam se destacar no mercado atual

More Articles Like This

- Publicidade -