A exposição “Nomes do Amor: o amor que ousa dizer seu nome” estará no Centro de Cidadania LGBTI – Cláudia Wonder a partir de 31 de março

O projeto, com curadoria assinada por Simone Rodrigues, traz uma série de fotografias que compartilham sua visão do afeto das famílias contemporâneas, que enaltecem a homoafetividade e a transafetividade brasileira. A exposição “Nomes do Amor: o amor que ousa dizer seu nome”  é itinerante e fará uma parada de dois meses, no Centro de Cidadania LGBTI Cláudia Wonder na cidade de São Paulo, de 31 de março até 02 de junho, das 09h às 18h, de segunda a sexta.

O espaço é gerenciado pela ONG Casarão Brasil, focado na comunidade LGBTI+  e está localizado na Avenida Ricardo Medina Filho, 603, Lapa. A entrada é franca.


Serviço

“Nomes do Amor: o amor que ousa dizer seu nome”
Período de exposição: 31 de março a 02 de junho
Horário: Das 09h às 18h
Entrada Franca
Onde: Centro de Cidadania LGBTI Cláudia Wonder – Avenida Ricardo Medina Filho, 603 – Lapa

Os Centros de Cidadania LGBTI (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Mulher Transexual, Homem Trans e Intersexual) desenvolvem ações permanentes de combate à homofobia e respeito à diversidade sexual.

A partir de uma iniciativa da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, por meio da Coordenação de Políticas para LGBTI, em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, os Centros atuam a partir de dois eixos:

  • Defesa dos Direitos Humanos: atendimento a vítimas de violência, preconceito e discriminação. Prestação de apoio jurídico, psicológico e de serviço social, com acompanhamento para realização de boletins de ocorrência e demais orientações.
  • Promoção da Cidadania LGBTI+: suporte e apoio aos serviços públicos municipais da região central, por meio de mediação de conflitos, palestras e sensibilização de servidores. Realização de debates, palestras e seminários.

Além das sedes fixas, quatro Unidades Móveis de Cidadania LGBTI+ percorrem São Paulo, levando estes e outros serviços para as regiões, facilitando o acesso às políticas públicas da Prefeitura de São Paulo a todo o público LGBTI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *